sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

O monstro Leviatã Dentro de Nós


Um monstro significa algo cruel, perverso e horrendo. Jó:41 fala do monstro leviatã o qual diz a bíblia, ninguém pode enfrentá-lo. Ele é definido como um ser da água, alguns acreditam se tratar de um crocodilo. A bíblia diz que ninguém pode pescá-lo com um anzol ou amarrar a sua língua com uma corda. O leviatã, diz o versículo 34, olha para tudo com desprezo e entre todas as feras orgulhosas ele é rei. E acredito que este monstro se manifesta dentro de nós como um sentimento escuso, fica lá escondidinho, no rio do orgulho, como um crocodilo num lago. Cruel e horrendo, camuflado pelo sentimento de dignidade pessoal, soberba e altivez. Um crocodilo na água, encoberto, oculto muitas vezes pelos galhos de árvores. Mas ainda um monstro disforme, monstruoso e descomunal. E é assim que eu descrevo o monstro da "falta de perdão". Quando não perdoamos alguém, basta vermos a pessoa que nos deixou feridas profundas, e o Leviatã dentro de nós desperta e olha com desprezo e orgulho, e ao mesmo tempo se debate nas águas da altivez de forma cruel,desejoso de destruir, dissipar, dilapidar e por um fim no indivíduo. Temos uma ordem de Deus para amarmos uns aos outros, porém pegamos esta pérola do amor e jogamos para o monstro leviatã dentro de nós, e ele a dilacera e a rasga em pedaços gerando-nos dor.
Na parábola do servo que não perdoou, diz assim:. Então o seu conservo, caindo-lhe aos pés, lhe implorava: Sê paciente comigo, e te pagarei. Ele entretanto, não quis; antes, indo-se, o lançou na prisão, até que saldasse a dívida( Mateus 18:29,30). E assim como este homem, o monstro rei leviatã nos joga na prisão. E somos entregues aos verdugos, carrascos que nos torturam e se comprazem em nos atormentar e nos trazerem dor. Tortura é igual a "agonia do corpo e da mente". Quando não perdoamos somos encarcerados por este monstro torturador, da falta de perdão que tem permissão para nos punir e nos gerar dor intensa e grande agonia. As doenças como câncer, artrite e casos de doenças mentais estão ligados à este cruel torturador. Ele pode te dilacerar de uma só vez ou aos poucos dia após dia, lentamente. Primeiro ele introduz seus dentes em sua mente antes de te engolir, causando imenso atordoamento, te fazendo ficar zonzo, tonto até a sua queda. E o propósito da mordida é te tornar sentido, com pesar, mágoa, ressentimento te levando ao principio de putrefação, de apodecimemtro mental, até que vc chegue ao colapso nervoso. Segundo, quando vc já está na falência das suas funções, em total esgotamento e em uma grave crise emocional, já se afogando no lago onde o leviatã te submergiu, águas estas cuja fonte provém do nosso próprio coração amargo que permitiu o leviatã fazer dele seu habitat. Então vem a dentada final, ele vem em um movimento súbito e inesperado com a sua última manobra para te lesar por completo. Os dentes agora são cravados em nossos corpos e as lesões agora são ilimitadas, nosso organismo fica contaminado por suas mordidas cheias de bactérias dotadas de danos para o corpo. E assim somos infectados e nosso corpo já fragilizado quebra. E assim o monstro leviatã orgulhosamente cumpre o seu objetivo e muitos são levados ao óbito espiritual e muitas vezes à morte fisica também, devido a uma infecção generalizada por parte das mordeduras do leviatã.
Eu já estive nas garras do monstro leviatã, e ele me dilacerou. Minha alma adoeceu , meus ossos secaram e meu corpo ficou enfermo. Isto foi à alguns anos atrás e eu passei por um processo muito doloroso. As feridas estavam sangrando e as mordidas do leviatã em minha mente não cessavam eu estava submersa em suas águas. E estava a cada dia sendo levada mais para o fundo, cada mordida me trazia lembranças e dor pelas feridas que tinham deixado em mim. Me sentia a injustiçada, e vivia em auto-comiseração , raiva e desejo de vingança . Eu estava toda cheia de lesões. O monstro leviatã dentro de mim crescia em orgulho e nada o fazia calar. Suas frases eram: A culpa é deles por eu estar nesta condição. Me jogaram nesta prisão e as frases em minha mente eram inúmeras. Porém um dia eu decidi, prestem atenção, foi uma decisão. Decidi lutar contra este monstro e o primeiro passo foi me humilhar para o único que poderia destrui-lo. Eu confessei ao Senhor o meu orgulho que havia precedido a minha queda, eu pedi socorro, eu pedi que me fizesse enxergar os meus erros, que me levasse ao arrependimento genuíno e ao concerto. Eu precisava de libertação. Não foi de imediato, mais a cada dia eu estava lá dizendo: Pai, ajuda-me! E aos poucos eu fui sentindo que o leviatã se distanciava e a presença do Espirito Santo se aproximava e o seu balsámo era colocado como remédio em minhas feridas eu estava sentindo as forças voltarem. Eu estava sendo tirada das profundas águas amargas, até que fui imergida novamente nas águas que curam, que limpam, águas do Espirito. Depois de ter sido liberta pude estar com aquelas pessoas do passado e eu as amei, até mesmo algumas lembranças doídas me foram apagadas. Porém confesso que ainda hoje, com outras pessoas em outras situações sou afrontada por este monstro, mas eu já o conheço e busco de imediato no amigo Espirito Santo ajuda.
Situações como estas acontecem todos os dias e a falta de perdão em nossas igrejas é tremendamente excessiva. Precisamos levar a sério as palavras de Jesus.
"Porque, se perdoardes aos homens as suas ofensas, também vosso pai celeste vos perdoará; se , porém não perdoardes aos homens [ as suas ofensas ], tampouco vosso pai vos perdoará as vossas ofensas ( Mateus 6:14,15 )
Perdoais e sereis perdoados ( Lucas 6:37) Quando jesus diz que se não perdoarmos não seremos perdoados isso é sério, devemos levar a sério, pois Ele é fiel à sua palavra. Se nos recusamos a perdoar Ele também recusará a nos dar perdão, pense nisto.
Se vc se recusar a dar perdão seu destino será ser entregue ao monstro leviatã, que te torturará e te punirá com dor intensa e prazer sádico.

Gosto muito desta frase: "Relacionamentos são bem-sucedidos não pela punição dos culpados, mas pela misericórdia dos inocentes". Max Lucado.

22 comentários:

  1. Olá! Gostei muito do (por um todo) parabéns. Deus continue te a fim de abençoar outros. Estou te seguindo agora. Paz. (Evangelista Gibton)

    ResponderExcluir
  2. Ótimo texto Ana.
    Falta de perdão; durante muito tempo fui atormentado por esse monstro cruel.
    Mas tenho aprendido que no perdão segundo Deus está a fonte da verdadeira felicidade.
    Dizem que o perdão é a ponte pela qual todos temos que passar.
    Muitas vezes eu busquei intensamente ser perdoado, e fui.
    Mas na hora que tive de perdoar, quanta dificuldade.
    É verdade; o próprio Senhor Jesus exaltou a importância do perdão na oração do Pai nosso.
    É muito bacana ver que você é Mulhercristãgente
    (só pra lembrar da sua nova prima Pastoragente)
    Já que sou Peresgente ,,,,,estamos todos na mesma luta: perdoar,,,perdoar,,,perdoar,,,
    Belezzzzza pura Ana,,,,é bom saber que você é gente. (dá um abraço no galã)
    .
    Cê viu a maratonista? é só alegria,,,,mas pra dar um beijo nela eu tenho que correr muuuuuuuito......kkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  3. Paz, querida Ana!
    Como já disse bem o nosso primo, o Peresgente, estamos na mesma luta!
    Eu também já vivi diversos níveis de confronto com essa necessidade: a de perdoar.
    Eu até "me achava" no quesito perdão, já que, depois da minha conversão, aquiri em Cristo certa facilidade em deixar as coisas pra lá e perdoar.
    Porém, um dia veio a prova de fogo, mas um fogo daqueles de purificar ouro - kkk.
    Foi duro, foi dolorido, foi gradativo, mas Jesus venceu.
    Senti em suas palavras o sofrimento de quem também teve que ser provada, mas a vitória de Cristo é vista claramente.
    Grande beijo.

    ResponderExcluir
  4. Olá, Ana Cláudia, estou retribuindo a visita e quero dizer que gostei muito do seu blog. Conteúdo muito bom e visual idem! Que Deus te abençoe e faça frutificar este ministério. Deus nos dê sabedoria para usar essa nova ferramenta web em prol do Seu Reino.
    Um abraço,
    Georges (Doa a quem doer).

    ResponderExcluir
  5. ÓTIMO POST ANA!
    TÁ NADANDO NO ÓLEO HEIN KKKKKK...
    TE AMO!

    ResponderExcluir
  6. Ana, que palavra hein.. Nossa, Que Jesus continue a abençoando muito, para que possamos todos receber da mesma benção.

    ResponderExcluir
  7. Olá,Ana!
    Graça e Paz!
    Muito interessante e esclarecedora essa sua narrativa/analogia. Pois muitos acreditam ser "leviatã" uma criatura mítica quando na verdade é um simbolismo da "ira de Deus" que também nada mais é do que ausência da Graça no nosso ser. E essa ausência é justamente porque nosso ser já está preenchido com lixos que nos contaminam e comprometem a vida relacional. E a vida relacional nada mais é do que a própria VIDA em seu sentido mais amplo.
    Parabéns pelo post!
    Beijo grande,
    R.

    ResponderExcluir
  8. 90% dos problemas e lutas que os cristãos que vão à igreja passam, se dão por conta da mágoa, do rancor e por não liberarem o perdão. As vezes dizemos que é muito difícil perdoar tal pessoa pelo que ela nos fez, mas que dizer do que Jesus fez por nós? Foi algo muito além. Se liberássemos o perdão com mais frequência, seríamos muito mais felizes

    Um Abraço
    diac Ricardo Silva
    Equipe Novo Evangelismo

    Ps: Estou te seguindo, blog muito bom.

    ResponderExcluir
  9. Olá graça e paz.vim retribuir a tua visita.acabei de ler o texto o leviatã.Sabe irmã logo no ínicio da minha vida com Jesus,logo nas primeiras semanas ainda descobrindo o Espírito Santo.Eu fui levado a pedir perdão e desculpar a minha mãe(ja falecida nesta época)E eu fui tomado por uma corrente de ernegia e formigamento pelo meu corpo inteiro,esta energia entrava nitidamente pelas minhas narinas, e ela foi se cruzando pelo meu corpo e levando até o chão foi tremendo.Havia uma mágoa muito grande minha com relação a minha mãe e ela faleceu e eu não a havia desculpado por não achar necessário... mas após este dia meu coração e minha alma se tornaram muito mais leves,o perdão é algo primordial na vida daqueles que se diuzem cristãos,pois se não houver perdão o monstro leviatã nos devorará com toda certeza.Fique na paz irmã e se quiser me seguir ficarei muito honrado.Que o Senhor derrame suas bençãos sobre você e toda sua familia.Eu e minha esposa fizemos parte do NAC(Núcleo de Adoração Cristão)Aonde adoramos ao Senhor Jesus e intercedemos por toda igreja do Senhor para que aja um só desejo em nossos corações,um desejo em comum a volta do nosso Senhor Jesus.Maranata ora vem Senhor Jesus.

    ResponderExcluir
  10. Olá! Muito bom o texto, escrito com propriedade e de uma forma muito linda também...
    Importante a reflexão constante sobre o perdão em nossas vidas!
    E obrigada pela visita ao meu novo e humilde blog, já estou seguindo o seu.
    Abraço...

    ResponderExcluir
  11. Paz e boa tarde.
    Meo Deos, Ufa, mas esse eu li todo, kkkkkkkk.
    O meu post lá, embora não seja meu perfil postar textos enormes, teve um motivo especial, pois achei que abrangia uma par de situações que eu me identifico, daí achei bacana repassá-lo como recebi.
    Muito bacana mesmo o texto. Escreveu com vários detalhes os efeitos do Leviatã, dignos de filmes de terror ou do famoso Aliggator, kkkkkk. Mas é assim mesmo ou até pior a maneira como ele age. Uma vez, quando ainda morava com minha mãe no Grajaú Rj, tínhamos um vizinho que estava fazendo obra em sua casa e o fio de luz de nossa casa passava por sobre a dele. Para ele concluir sua obra, ele queria que nós, eu e minha mãe, tirássemos o fio dali, mas isso haveria um custo. Falei com ele que por ele estar fazendo a obra, ele que teria que pagar e tal, enfim, ficou aquele desentendimento e no final, minha mãe pagou o esquema pra resolver. Eu fiquei triste com ele e não nos falávamos mais. Isso começou a me incomodar, pois não era correto eu orar á Deus como sugere em Lucas 11.4 e agir diferente. Um belo dia, eu estava jogando bola com os amigos lá do bairro, aparece ele pra jogar. Não perdi tempo, após a pelada, chamei dois camaradas, chamei o amigo e falei diante das duas testemunhas que eu estava pedindo perdão pela situação daquele dia do fio e tal, daí o amigo me deu um abraço e ficamos bem até hoje. Mas como você falou em seu texto, foi uma decisão. O Espírito Santo nos mostra, nos orienta, nos sugere e até incomoda, mas a atitude de ir e fazer é nossa. Um abração e Paz.

    ResponderExcluir
  12. Fala prima!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Esse negoço de monstro dentro da gente é de arrepiar. To fora, vou continuar perdoando geral. Até porque a nossa luta não é contra a carne nem contra o sangue. O segredo de manter o monstro presinho é andar em espírito e assim jamais cumpriremos a vontade do monstro que nos enxe o saco.
    O amigo ES é fera nessa questão de dominar o Leviatan. Vamos deixar Ele no controle que tudo vai dar certo. Estamos com muitas saudades! O tempo juntos foi maravilhoso. Foi Jeová purinho! Saudades……..
    Um grande abraço
    Graça e Paz
    Franklin

    ResponderExcluir
  13. Boa noite irmã.estou lhe passando o meu e-mail para que possamos trocar informaçoes.Sim posso lhe falar mais sobre o NAC,me mande o seu e-mail e lhe contarei como surgiu o Nucleo de Adoração Cristã.Que Senhor derrame suas bençãos sobre voce e sua familia.Fiquem na paz.juca_pithan@hotmail.com

    ResponderExcluir
  14. Paz e Graça minha amada irmã Cristo,primeiramente agradeço sua visita.E estou aqui para parabeni´z-la por esse brilhante texto.Confesso que estava precisando ouvir-ler,essas palavras.O mostro leviatã está me atacando mas seguirei seus conselhos.Amém!

    ResponderExcluir
  15. Por causa desses Leviatãs da vida que cresce todos os dias o número de pessoas vítimas das chamadas DOENÇAS PSICOSSOMÁTICAS, as pessoas vão somatizando mágoas, tristezas, revoltas e quando não sabem, não entendem, a necessidade de se desfazer desses sentimentos ruins, começam a padecer de doenças que lhes vão corroendo por dentro... Esses sentimentos ruins são as doenças da alma!

    ResponderExcluir
  16. Graça e paz irmãComo você me pediu vou lhe falar sobre o Nac.O Nac surgiu no desejo de se buscar uma maior intimidade com Deus,de viver como vivia a igreja primitiva, e quem teve este chamado foram os irmãos Antonio(in-memorian) e vitor, e eles começaram a ministrar e divulgar este desejo nos cultos das segundas feiras na igreja que fazim parte,logo esta manifestação se tornou algo muito forte e começou a atrair muitas pessoas para os cultos das segundas feiras.logo os irmão foram convidados a pararem com estes cultos ,pois a alta direção da igreja falou que aquilo que eles fazim não era de Deus.Então eles sairam desta denominação comunicar o seu pastor de sua desição e foram a luta,pasaram por outras igrejas,até que começaram a se reunirem em casa os dois e suas esposas.Depois começaram a reunirem na cozinha da minha casa(eu não era convertido ainda)com a condição que não estive em casa.Resumindo hoje temos o nosso local de reuniões,o Espirito /santo tem mafifestado a sua presença entre nós,NOSSO chamado é para Adorar ao Senhor e interceder por sua noiva na cidade de MONTEN EGRO E REGIÃO recentemente o nosso amado irmão toninho foi para os braços do pai.O que nos conforta é saber que ele anseava para estar junto ao Pai.ele nos faz muita falta aqui mas esta onde queria estar e nós um dia também queremos estar nos braços do Papai.Fique na Paz espero poder ter lhe respondido a respeito do Nac,Estou divulgando o seu blog,se quiseres divulgar o meu fique a vontade.www.serafinsdefogo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Mais um lado do Leviatã que precisamos vigiar; Mas sabe o que mais me preocupa? não é o Leviatã é o Bemote ( Jó 40:15-22). O leviatã é um animal grosseiro, aparencia vil, fácil de ser detectado dentro de nós. Mas o Bemote (hipopótamo)parece manso, fofinho, lindinho, mas se for tocado, mostrará sua fúria.
    O Bemote e o Leviatã fazem parte da nossa vida da alma. As vezes expulsamos o Leviatã e mantemos o Bemote, por achar que não fará mal algum. Tratamos com os pecados grosseiros, mal-cheirosos, visíveis. Mas aqueles sutis, quase invisíveis, que estão profundamente escondidos pensamos que não fará mal a ninguém.Um orgulhosinho escondido, uma gloriasinha pra nós mesmos, uma soberbasinha, uma obrasinha "pra Deus" quando na verdade é pra mim.."não fará mal a ninguém"..
    Deus não quer nada que advenha da árvore do conhecimento do bem e do mal. Nem o bem, nem o mal. Nem o Leviatã, nem o Bemote. Frequentemente somos tentados a "fazer o bem" a dar a oferta de Caim.
    "Se vivemos no Espirito, andemos também no Espírito."
    Nossa bondade natural, nada mais é que o pecado travestido de bem. O Bemote é na verdade o leviatã disfarçado.
    Aleluia pela palavra de Deus que é como espelho pra nós.
    Muito obrigada por compartilhar seus textos tão ricos e propiciar que luz de Deus nos revele sempre algo mais.
    Que o Senhor te cubra com o sangue e que a Glória seja sempre de Deus.
    Bjokas minha irmãzinha preciosa..
    Meu e-mail: alexsafs17@hotmail.com.
    Vamos compartilhar mais...

    ResponderExcluir
  18. Olá Ana Cláudia,
    Graça e Paz!

    Que benção estar aqui!
    Agradeço de coração o comentário em meu blog, e por o estar seguindo também. Desculpe a demora em responder mas, estar aqui, está sendo uma honra para mim, espero voltar muitas vezes. Já estou seguindo também.

    Grande Abraço!

    ResponderExcluir
  19. Parabens minha irmã.

    Muito boa aplicação bíblica à realidade da natureza humana. Esse mostro de fato é dificil de dominar dentro de cada um de nós se não for com a graça de Deus.

    Fica na paz.

    ResponderExcluir
  20. graça e paz gostei muito desse assunto ,estava prucurando este assunto que é de total importancia para os dias de hoje . Que Deus te abençõe.

    ResponderExcluir
  21. olá....olha gostei muito do seu blog mas eu discordo de que o leviatã seja um monstro interior dentro de cada um de nós, pois em isaias 27.1 diz assim : naquele dia Deus castigara com a sua dura espada grande e forte, o leviatã a serpente veloz, e o leviatã a serpente tortuosa, e matará o dragão que está no mar.....pois quando DEUS repreendia jó DEUS falava de misterios que jó não conheçia e coisas que só DEUS conheçe, e esta grande serpente não é nenhum sentimento dentro de nós pois fomos lavados e remidos no sangue de nosso senhor jesus, toda macula toda mancha foi limpa no dia de nosso batismo, e se no ultimo dia o senhor vai aniquilar o leviatã, como poderiamos nós mesmos destruir algo que nem conheçemos, pois se DEUS disse a jó que dos animais altivos ele(leviatã) reina sobre todos eles, assim tambem sirvo a DEUS não é critica é minha opnião entende, em ezequiel 32.2 DEUS tambem fala de um dragão do mar que é referênçia do leviatã em isaias...entre os céus e a terra a grande misterio, e um deles é que o leviatã não é um sentimento dentro de nós e sim uma criatura, não sei se é carnal ou espiritual, mas segundo DEUS é um ser muito poderoso que vive no mar e não no nosso coração , como poderiamos ser limpos de mão e puro de coração se dentro do nosso coração existisse uma serpente tortuosa que o senhor profetizou destrui-la??? assim se descobrir mas a fundo adorarei participar do seu entendimento...paz seja convosco...perdoa se ofendi..fui

    ResponderExcluir